Músicas

MusicPlaylistView Profile Create a playlist at MixPod.com Clique em PLAY para ouvir as músicas!

AVISO - Sobre os textos do Blog

Todo o conteúdo aqui postado no blog deve ser estudado para que exista uma possível conclusão do leitor, por isso, não deve ser levado como 100% verídico.
Com estudo e discernimento dos assuntos aqui abordados, é que se chega a uma possível conclusão.
O blog tenta dispor de assuntos interessantes e questionáveis para estudos.
Deixe seu comentário!
Obrigado pela visita!

Jazz (Admin) - Administrador do blog

ATENÇÃO

O texto "O que vai acontecer em 2012 - Perguntas e Respostas" foi totalmente reescrito e atualizado no dia 12/12/2011.
Caso você já tenha lido um tempo atrás, recomendamos uma re-leitura.

Clique aqui para ler o texto.

Obrigado!
Fiquem na paz!

Jazz (Admin) - Administrador do Blog

Dica:

Esse blog é melhor visualizado com o navegador Google Chrome.

VOTE, COPIE e DIVULGUE

VOTE, COPIE e DIVULGUE
Link para divulgação: http://www.avaaz.org/po/save_the_internet/?slideshow

terça-feira, 30 de dezembro de 2008

AIDS: A Grande Trapaça por David Icke


Traduzido do site http://www.davidicke.com/icke/articles/icke-aids.html

Texto extraído de: Uma Nova Era

HIV não causa Aids. HIV não causa nada. Uma declaração cambaleante dado o exagero e aceitação pelo estabelecimento científico e, através deles pelo público, de que o vírus HIV é a única causa da Aids. O HIV é um vírus fraco e não afeta o sistema imunológico. E a Aids não é transmitida sexualmente. Há dois tipos principais de vírus. Usando a analogia do avião, você poderia chamar um destes vírus de "piloto". Ele pode mudar a natureza de uma célula e deixá-la doente. Isto normalmente acontece muito depressa depois que ele a infecta. E então há o vírus "passageiro" que vive fora da célula, entra pra dar uma volta, mas nunca afeta a célula ao ponto de causar doenças.

O HIV é um vírus passageiro!

Então como diabos ele conseguiu o título de vírus mais ameaçador do mundo? A pessoa que anunciou que o HIV causava Aids foi um americano, o Doutor Robert Gallo. Desde então ele tem sido acusado de má-conduta profissional, o seu teste foi exposto como fraudulento, e dois dos executivos do seu laboratório foram considerados culpados de infrações criminais. Dezenas de milhares de pessoas fazem testes para anticorpos de HIV todos os anos e Dr Gallo, que patenteou o seu "teste", ganha royalty por cada um deles. Luc Montagnier, o sócio de Gallo na teoria HIV-causa-Aids, admitiu em 1989: "O HIV não é capaz de causar a destruição do sistema imunológico que é visto em pessoas com Aids". Quase 500 cientistas ao redor mundo concordam com ele. Assim como o Dr. Robert E Wilner, autor do livro "A Decepção Mortal. A Prova de que Sexo e HIV não Causam Aids".
O Dr. Wilner até mesmo injetou o vírus HIV em si mesmo em um programa de televisão na Espanha para apoiar as suas reivindicações. Outros doutores e autores chegaram às mesmas conclusões, entre eles Peter Duesberg PhD e John Yiamouyiannis PhD, no livro deles, "Aids: A Boa Notícia é que o HIV não Causa essa doença. A Notícia Ruim é que "Drogas Recreativas" e Tratamentos Médicos Como o AZT Causam". Este é um título longo, mas resume a situação. Pessoas estão morrendo de Aids por causa dos tratamentos usados para "tratar" a Aids! Isso funciona assim: agora é aceito pelo estabelecimento e pelas pessoas que o HIV causa Aids, o sistema construiu este mito em cima do seu diagnóstico e "tratamento". Você vai para o doutor e lhe dizem que seu teste de HIV deu positivo (positivo somente para os anticorpos do HIV, na verdade eles não fazem o teste para o próprio vírus). por causa da propaganda, muitas pessoas já começam a morrer emocionalmente e mentalmente quando lhes dizem que eles são HIV-positivos. Eles foram condicionados a acreditar que a morte é inevitável.
O medo da morte os leva a aceitar, freqüentemente até exigir, os altamente exagerados "tratamentos" que supostamente vão parar a manifestação da Aids. (Mas eles não vão.) O mais famoso é o AZT, produzido pela organização Wellcome, possuída pelos... espere por isto, Rockefellers, uma das principais famílias manipuladoras na Nova Ordem Mundial (NWO).
O AZT foi desenvolvido como uma droga anti-câncer para ser usada em quimioterapia, mas foi considerado muito tóxico até mesmo para isso! O efeito do AZT no "tratamento" do câncer foi o de matar células - simplesmente isso - não só matar células cancerosas, mas também células saudáveis. A questão seguinte (e isto é aceito até mesmo pelo estabelecimento médico), era: o AZT mataria as células cancerosas antes que tivesse matado tantas células saudáveis que matasse o corpo? Esta é a droga usada para "tratar" o HIV. Qual é o seu efeito?
Ele destrói o sistema imunológico, CAUSANDO assim a Aids. As pessoas estão morrendo do tratamento, não do HIV. Aids é simplesmente o colapso do sistema imunológico para o qual há infinitas causas, nenhuma delas é sexualmente transmissível. Essa é outra trapaça que tem rendido uma fortuna para os fabricantes de preservativos e criado um medo enorme ao redor da expressão de nossa sexualidade e da liberação e expansão de nossa força criativa.
O que tem acontecido desde A Grande Trapaça é que agora qualquer um que morre por causa de uma fraqueza no sistema imunológico é dito ter morrido do abrangente termo, Aids. Isso é até mesmo posto no diagnóstico. Se você é HIV positivo e morre de tuberculose, pneumonia, ou 25 outras doenças não relacionadas, agora conectadas pelos Trapaceiros à "Aids", você é diagnosticado como tendo morrido de Aids. Se você não é HIV positivo e morre de um dessas doenças, você é diagnosticado como tendo morrido dessa doença, não Aids. Isso manipula o quadro diariamente para indicar que só HIV-positivos morrem de Aids.

Isso é uma mentira.

Muitas pessoas que morrem de Aids não são HIV-positivos, e a razão para que o número das mortes causadas pela Aids não tenham subido às nuvens como o predito, é que a grande maioria das pessoas diagnosticadas HIV-positivas nunca desenvolveram Aids. Por que?

Porque o HIV não tem nada a ver com a Aids.

Qualquer coisa que destrói o sistema imunológico causa Aids, e isso inclui as chamadas drogas recreativas. A vasta maioria das mortes nos Estados Unidos envolvem homossexuais, e isto perpetua o mito de que a Aids tem algo a ver com sexo. Mas os homossexuais no EUA estão entre os maiores usuários das drogas que doutores genuínos têm ligado à Aids. Prostitutas que freqüentemente tomam drogas pegam Aids, prostitutas que invariavelmente não tomam drogas não adquirem Aids. A elevação da Aids nos Estados Unidos corresponde perfeitamente com o aumento no uso de drogas - a maioria das quais são disponibilizadas às pessoas nas ruas através de elementos dentro do Governo dos EUA, incluindo Bill Clinton e George Bush. Na África, o colapso do sistema imunológico, agora conhecido como Aids, é causado por falta de boa comida, de água limpa e pelos efeitos gerais da pobreza. Hemofílicos não morrem por causa de sangue infectado com HIV, eles morrem, da mesma forma que eles faziam antes da fraude Aids, de um erro no próprio sistema imunológico deles. O sistema imunológico deles ataca proteínas externas no sangue infundido, e em raras ocasiões ele pode ficar confuso durante esse processo e atacar a si mesmo. O sistema imunológico deles, em efeito, comete suicídio. O HIV é irrelevante pra isso. Contudo quantas pessoas que hoje foram diagnosticadas HIV-positivas estão tendo as suas vidas destruídas pelo medo de que os sintomas da Aids começarão a qualquer momento?
O AZT é o assassino. Não há um único caso do AZT revertendo os sintomas da Aids. Como poderia? Ele os está causando, pelo amor de Deus.
A indústria da Aids vale agora bilhões de libras por ano e faz uma fortuna inimaginável para a indústria de drogas controlada pelos Rockefellers e pelo resto da Elite Global.

16 comentários:

  1. Com relaçao ao assunto exposto, estou completamente de acordo, tendo em vista que minha esposa tem o virus há mais de 15 anos, não toma remédio e nunca ficou doente. Acho que é necessário explorar mais esse assunto em todos os meios de comunicação para que a população possa saber mais sobre HIV. obrigado.
    gremili@bol.com.br
    mande-me a resposta.

    ResponderExcluir
  2. Olá!
    Muito obrigado pelo comentário! Isso mostra como as coisas realmente funcionam. O que realmente faz a pessoa com AIDS vir à ficar doente é o medicamento e não a "doença", isso é fato, não é conspiração ou algo do tipo.
    Eles criam um problema e trazem a solução. Isso é um crime. E assim está sendo feito atualmente também com o H1N1, é o mesmo processo.
    Aos poucos mais e mais pessoas estão se dando conta disso e estão divulgando.
    Gostaria de lhe pedir para que você e sua esposa divulgassem para familiares e amigos. Mostrem que isso é uma farsa. Desmascarem essa falsidade. Não tenham medo! Digam a verdade e nada mais.
    Obrigado pelo comentário!
    Fiquem na paz

    ResponderExcluir
  3. É so você observar que a pessoa fica anos sem detectar que tem o Virus, ai quando descobre que tem e começa a se tratar com o AZT e os antiretrovirais já adoece logo, mas é notório que adoece depois que começou a tomar os remédios. Algumas pessoas até dizem "prefiro não saber" e enquanto não sabem não adoecem e quando sabem e começam a tomar as drogas definham e morrem.

    ResponderExcluir
  4. olá amigos, eu gostaria de esclsrecer uma duvida,tenho um sobrinho que foi constatado que ele tem a aids,e está tomando o tão falado coquitel de remedios,quando ele para de tomar o cokitel ele fica cada vez mais doente, tem diarreia, fica magro, o que seria isto?, coisa da sua cabeça? vcs acham que ele deveria parar de tomar o cokitel? por favor me mande a resposta, Obrigado

    ResponderExcluir
  5. Ao Anônimo:
    Olá amigo! Bom, ao que parece ele está com dependência desses medicamentos, mas é relativo até o ponto que deve-se analisar quanto tempo faz que ele está se tratando com esses medicamentos. Tente marcar uma consulta se possível com um médico naturopata que lida com fitoterapia, para tentar adaptá-lo com medicamentos naturais ao invés desses coqueteis.
    Eu não recomendo que ele pare de tomar os coqueteis. Do momento ele começar a se medicar com fitoterápicos, pergunte ao terapeuta responsável quando ele irá poder parar de tomar os coqueteis.
    Funciona assim, se ele começar a se medicar com remédios fitoterápicos ele irá "aos poucos" poder parar de tomar os coqueteis. Mas não 100% e de imediato, entende.
    Isso leva um certo tempo.
    Qualquer coisa entre em contato novamente, ok!

    Fique na paz!

    ResponderExcluir
  6. Boanoite sabe o que devemos fazer é levantarmos a bandeira com faichas e cartazes escrito que a aids é uma grande farssa e gritando bem auto para chmar a atenção da midia mas temos que fazer iso com muinta coragem .È uma epoca muinto boa,dia 3 é dia das eleições temomos que fazer iso todos nos com ou sem hiv obrigado 3/10/2010

    ResponderExcluir
  7. Olá!
    Não se preocupe amigo! Isso é um processo um pouco lento, mas que já está em andamento. Às vezes levantando mil faixas nas ruas não são capazes de surpreender. Mas, se você divulgar para uma pessoa provando a verdade, ela irá se surpreender! Repassando a informação para outros.
    As pessoas estão despertando aos poucos. Isso são "informações" energéticas que estão vindo do centro de nossa galáxia, e despertando as pessoas aos poucos.
    Num tempo não muito distante, 90% da população saberá das verdades. Isso é algo que nenhum governo, nenhum dinheiro pode barrar. Não se preocupe e faça sua parte que tudo se resolve ;)

    Obrigado pelo comentário!
    Fique na paz!

    ResponderExcluir
  8. Olha este texto seu chega a ser quase criminoso , sou da área medica estudo o sistema imunológico e sei bem que o vírus HIV causa a AIDS , destruindo o sistema imunológico. Se vc realmente esta certo do que escreveu vá a um hospital e aplique sangue contaminado sangue contaminado de um paciente para provar a sua teoria.

    Não sai escrevendo qualquer coisa , qualquer pessoa da área de saúde que tenha um conhecimento rudimentar de imunologia sabe que você só falou absurdos ok .

    Alem do mais esta contribuindo para desinformação contagio etc da população , não me leve a mau mais não poderia deixar um texto irresponsável deste passar sem critica.

    ResponderExcluir
  9. Ao Anônimo:
    Olá amigo, tudo bem!
    Bom, esse texto não é meu, é de autoria de David Icke.
    É interessante notar que, o estudo científico em geral, com a qual a medicina faz parte também, não batem com essas informações.
    Eu não estudei medicina, nem tenho o conhecimento que você tem e acredito sim na AIDS, ela realmente existe sim. O que pega nesse assunto é:
    Não é a AIDS que mata, mas sim os medicamentos para tratamento.
    Já tive contato com pessoas (assim como nos comentários acima) que começaram a ficar doentes após começarem a se medicar.
    Não é uma ou duas pessoas, são muitas.
    Se eu estivesse em seu lugar, eu iria atrás de pesquisas para realmente ver se isso é mentira ou realidade.
    Pois eu sempre busquei informações além do que nos passam, então descobri na pele que muitas são grandes mentiras, mesmo muito bem manipuladas.
    Se a AIDS é uma delas, honestamente não sei, mas eu iria atrás de mais detalhes.
    Você tem as ferramentas na mão amigo, basta querer usá-las ou não, ok.

    Fique na paz

    ResponderExcluir
  10. Ah... gostaria de deixar aqui um link:

    http://www.taps.org.br/Paginas/oaidsartigo07.html

    Fique na paz

    ResponderExcluir
  11. O que você acha sobre a teoria da teoria da linhagem sanguinea reptiliana de David Icke

    ResponderExcluir
  12. Ao Anônimo:
    Olá! Honestamente acredito que exista uma ligação sanguinea nessa elite sim, de uma linhagem que vem desde lá de trás. Mas não acredito que seja regra estar generalizando tudo.
    O mundo não é feito apenas de humanos, grays e reptilianos. Existem muitas raças extraterrenas e intraterrenas atuando no planeta nesse momento e que já estão aqui desde tempo. Então, não acredito que essa linhagem de sangue veio apenas de reptilianos. Tem muito mais nisso tudo.

    Fique na paz!

    ResponderExcluir
  13. olá,
    li o artigo e fiquei com uma duvida,o HIV pode ser transmitido por exemplo de esposa para marido ou vice-versa? pois há muitos casos que as pessoas afirmam terem contraido o virus atraves de seus parceiros,nao consegui perceber algo explicando isto no texto.

    ResponderExcluir
  14. Ao Anônimo:
    Olá! Pode sim. Mas lembre-se que ele não é fatal. Fatal são os medicamentos que o "combatem". AIDS é apenas mais uma doença que atinge pessoas de baixas frequências energéticas. Mudando as atitudes e pensamentos internos, qualquer doença pode sumir em tempo.

    Obrigado pela visita!
    Fique na paz!

    ResponderExcluir
  15. evan_sin@hotmail.com28 de outubro de 2011 13:47

    Olá , se voce tiver msn poderia passar?



    Grato

    ResponderExcluir
  16. Olá Evan, tudo bem!

    Tenho sim:
    portal_estelar@hotmail.com

    Obrigado pela visita no blog!
    Fique na paz!

    ResponderExcluir